25.9.03



E, para que não restem dúvidas...

"Foi com prazer que li a sua coluna sobre a matéria recém-veiculada pela BBC quanto a uma “possível” relação da toxoplasmose com alterações cognitivas e comportamentais. Na qualidade de médica responsável pelo ambulatório de Toxoplasmose do Instituto de Pesquisa Clínica Evandro Chagas/FIOCRUZ recebo há anos pacientes encaminhados dos mais diferentes serviços com as mais diferentes manifestações da infecção, mas de modo geral, a tônica é a desinformação tanto da população quanto da classe médica. Toxoplasmose é uma infecção causada por um protozoário (parasita composto por uma só célula) que tem um ciclo evolutivo complexo onde o gato tem papel de perpetuador no meio ambiente.

Como foi claramente exposto na sua matéria, o contacto direto com o gato doméstico não é fator de transmissão da infecção uma vez que o gato doméstico se alimenta de ração industrial. O Brasil é um país de elevada endemicidade desta infecção que em sua maioria não é acompanhada de manifestações clínicas severas. Costuma ser uma infecção auto-limitada em geral não necessitando de tratamento específico uma vez que as drogas disponíveis podem ter efeitos colaterais consideráveis.

Por outro lado, quando adquirida durante a gravidez pode levar a lesões fetais graves e ocasionalmente irreversíveis. Infelizmente apesar de estarmos no século XXI e apesar de haver medidas profiláticas que podem ser tomadas para evitar esta e outras infecções de transmissão materno-fetal, ainda nascem crianças com toxoplasmose congênita, que neste caso, pode levar a alterações visuais e cognitivas no futuro uma vez que o parasito tem uma predileção por afetar o tecido cerebral do feto.

Não li ainda o artigo científico citado na matéria, mas estudos epidemiológicos devem ser interpretados à luz de condições geográficas, ambientais, sociais e acima de tudo metodológicas especiais. Para que uma conclusão de um trabalho seja considerada uma “verdade” deve ser passível de reprodução em outros estudos que o referendem.

De qualquer modo, gostaria de lembrar que o que causa alteração de personalidade é violência, ignorância, fome e desinformação.

Por favor, consultem os profissionais especializados e deixem os pobres gatos em paz." (Elizabeth de Souza Neves, Crm 52-34588/9)
I rest my case.

Um comentário:

Anônimo disse...

I really liked your article. cardiovascular Read a useful article about tramadol tramadol